sexta-feira, 29 de abril de 2011

Giselle em 3D

Ola!!!

bailarinas,

hoje vim contar uma novidade que para falar a verdade acabei de ficar sabendo, bom, mas vamos lá....

É que este e o próximo final de semana vai passar o espetáculo Giselle, que eu tanto amo, no cinema 3D, isso mesmo pela primeira vez uma ballet que passou pelo mundo todo nos cinemas....

Vai passar nos cinemas UCI, bom tem em alguns estados, o único inconveniente é que o UCI não tem em todos os lugares, por exemplo, eu moro em SP, para mim os cinemas UCI é os do Jardim Sul ou Anália franco, na verdade ambos são longe, mas creio que valia pena assistir.

O espetáculo conta com a bailarina russa Natalia Osipova como Giselle (e devo dizer que já a assistir em outras apresentações como Giselle, e ela consegue interpretar, espero que neste também tenha conseguido) e bailarino também russo Leonid Sarafanov como Albert, bom as informações estão aqui....

E para aquelas bailarinas que estão começando e ainda não conhece a estória do espetáculo Giselle (não sei possível tal coisa), ai vai um pequeno resumo sobre o espetáculo, ah eu vou apenas contar da forma em eu interpreto a estória, pois ela é grande:

Giselle é uma pobre camponesa que mora com sua mãe Bertha, e suas amigas e Hilarion, seu namorado, Giselle é uma moça linda e encantadora que adora dança, mas sua mãe não gosta que ela dance tanto, pois pode fazer mal para sua saúde debilitada, pois Giselle tem o coração frágil para fortes emoções. Em um belo dia Albert, um nobre (para falar a verdade eu não sei ao certo se ele é conde ou príncipe, pois uma vez eu assisti um documentário e o bailarino e coreografo Vladimir Vasiliev o chamou como principe, e em lugares ele esta como conde, então quem souber a verdade me fale), estava passando pela redondeza quando viu Giselle pela primeira vez, ficou deslumbrado logo no primeiro momento, e pede ajuda para um amigo para se disfarçar de camponês, para pode ficar perto da moça, logo Albert se aproxima de Giselle que se apaixona, mas Hilarion faz de tudo para desmascarar Albert (que diz chamar Loys), mas Giselle não acredita, até que em um belo dia, ou nem tão belo assim, chega uma comitiva de nobres na aldeia da moça, que se encanta com as roupas e jóias de Bathilde, que conversam muito, e todos ficam felizes, até que Bathilde lhe dá um colar, e Giselle fica muito feliz e agradecida, mas nem imagina que Bathilde é na verdade a noiva de Albert. Depois que os nobres saem para visitar aos arredores, Albert, ou melhor, Loys aparece, Giselle lhe mostra o colar e ele logo identifica de quem é. Depois aparece Hilarion e na frente de todos os camponeses mostra a espada que é de Albert, que nega, e no meio desta discussão aparece de novo à comitiva dos nobres, e Bathilde logo reconhece o noivo, e o questiona, quando Giselle percebe o que esta acontecendo diz que Bathilde esta errada que Albert é seu noivo, quando questiona Albert e ele fica parado, Giselle se desespera e fica louca de tristeza e magoa, até que morre de amor. O corpo da moça é enterrado na floresta, lar das Willis. Elas são almas de jovens que amavam muito e morreram antes do casamento. Materializam-se à meia-noite, desaparecendo ao amanhecer, e buscam se vingar, fazendo com que os homens que passeiam pela floresta dancem até morrerem de cansaço. Hilarion vai visitar o túmulo de Giselle e as Willis começam a aparecer. Myrtha, a rainha das Willis, convida-as para iniciar Giselle em seus ritos. Hilarion, então, é perseguido e levado à morte. Albert aparece, carregando lírios, e Giselle surge para ele.
As Willis reaparecem, e Myrtha o condena a dançar até a morte, mas o amor de Giselle por ele é ainda grande. Ela o ampara e o protege com a ajuda da cruz de seu túmulo, poupando a vida de seu amado até o amanhecer, quando as Willis desaparecem.

Ufa!!!! acho que me empouguei um pouquinho rsrsrs...

Ahh!

ai vai o vídeo do "filme-espetaculo" Giselle








ah! e um feliz dia internacional da dança para todos os bailarinos e bailarinas

bjs e até

domingo, 24 de abril de 2011

A pascoa

assim que você leu o titulo já foi pensando em chocolate (pelo mesmo a grande maioria que eu sei!!), é minha gente, minha época favorita a pascoa (é eu sei que engorda, dar espinha, e outras coisas ¬.¬, mas vai com moderação),época do chocolate, e como boa chocolatra de plantão, achei estas imagens fofas, e ai vai:





ahhh, lembrando comam, mas com moderação
fontes das imagens: 1,2,3 e 4
bjs e até

quinta-feira, 21 de abril de 2011

nosso amado corpo

oi genteee
tudo bem com vocês??
sabe dias atrais tive que montar com as minhas amigas um seminário sobre dança, para o professor de ed. física, e tinha-mos que escolher três tipos de dança, e como boa bailarina escolhi o ballet para mim, e fui muito bem diga-se de passagem rsrsrs...
mas quem esta no colegial ou já saiu, mesmo assim sabe como é, sempre tem alguém que faz a mesma coisa que você, ai você tem que inova, assim é vida (apesar de ser nova já percebi isso), então viu procurar maisss coisas, e achei uma coisa que toda bailarina ve ou sabe e acaba até que 'surtando', é o nosso corpo, corpo de bailarina é um dilema, ser magra é uma regra (pelo mesmo ao que parece), mas como emagrecer sem ter que apelar para formas milagrosas, com dietas loucas, regime rigoroso e sem prejudicar a nossa saúde... E foi nessa onda que eu achei, no blog da capricho, uma forma de descobrimos quanto nós precisamos de caloria por dia  e quanto consumimos por dia, sim pois cada pessoas tem um metabolismo diferente, mas lembrando que é só para termos noção, não é algo para seguimos a regia curta, na verdade dissem que é só para termos noção de quanto precisamos comer, afinal ballet exige e muito do nosso corpo, para uma bailarina que faz aula todos os dias suprir tal quantidade é quase impossível, pois o gasto de energia é bem maior que a energia que absorvemos.
bom meninas vai a dica comer, sim minha gente! parar de comer faz o seu metabolismo acelerar e acabar meio que 'criando' gordura, ou seja ficar sem comer muito tempo fica mais difícil de emagrecer, mas claro que você não ficar comendo besteiras nos intervalos das refeições, ou seja nada de ficar horas sem comer que depois você vai atacar uma dispensa ou a sua geladeira e vai ser pior,
bom procure um bom nutricionista que ele via dizer qual é a melhor forma para você emagrecer ou manter a forma, dependendo do seu estado, pois se você assim como eu pensava , nem toda a dieta serve para você pois por exemplo, para minha mãe a dieta dela é bem diferente da minha, isso que nós somos  mãe e filha, e agora imagina você pegar uma dieta pela Internet, ou com alguma pessoa que você não conhece direito, ou até mesmo as amigas pois elas são diferentes de você, "afinal o que é bom para mim, pode ser ruim para você", ou seja não façam besteira com a saúde pois é coisa seria...
mas agora uma coisa é seguir estas dietas louca e outra coisa é seguir ou apenas experimentar dicas pequenas que ajudam no  nosso dia-a-dia, como por exemplo a dica que a May comentou sobre a água com gelatina incolor, ou as varias dicas que tem no site dicas de dança, em fim, cuide de forma correta do seu corpo, sem estas coisas mirabolantes....
porque afinal, precisamos de um corpo que nos ajude no ballet e na vida, não um que nos cause problemas de saúde e nos faça sai do ballet...
você já pensou ou percebeu que ter um corpo equilibrado seu desempenho é bem melhor, pois sua flexibilidade aumenta, e você aguenta mais tempo os exercícios propostos.

respeite o limite do seu corpo (tanto para ser magra, quanto para ser gordinha), fique atenta, final sem equlibrio nem uma bailarina consegue uma piruetta rsrs

bjs e até
bailarinas(os), cuidado em!!!
fontes das imagens: 1 e 2

domingo, 10 de abril de 2011

a sua sapatilha de meia-ponta

oi! tudo bem?


é eu sei que demorei um pouquinho rsrs

bom hoje eu vou falar sobre uma duvida que eu tenho faz um tempinho, sobre o tipo de sapatilha de meia-ponta.

sabe a minha primeira sapatilha de meia- ponta foi uma da só dança de sola inteira de lona sintética, eu a comprei sem saber que existem vários tipos de sapatilha de meia-ponta, acho que como muitas de vocês também deve ter feito isso...

bom mas o ponto principal é que como a minha primeira foi uma sola inteira é claro que quando vi a sola dividida quis usá-la, mas demorou um pouco para que descobri-se, pois só depois que eu criei o meu diário de ballet, que eu comecei a saber um pouco mais sobre isso, e eu li uma vez o poste da Carol do blog meia ponta sobre isso, que ela também gostaria de usar, mas a sua 'antiga' professora aconselhou ficar com a sapatilha de sola inteira pois era melhor para ela que estava começando, mas então fui perguntar para o meu professor e ele disse que era melhor a de sola dividida, pois eu teria um melhor desenvolvimento, e dias atrais a Carol postou que a sua 'nova' professora prefere a sola dividida assim como o meu professor, e por incrível que pareça ela (a professora da Carol) usou o mesmo termo do meu professor, que sapatilha de sola inteira é para fantasias rsrsr...

mas ai que surgiu a minha duvida, eu usei a sapatilha de sola inteira durante cerca de 9 meses depois a de sola divida, e eu conseguir desenvolver um pouquinho (afinal tenho pouco tempo para ter uma colo alá Alessandra Ferri, quase impossível rsrs) o meu colo de pé e a minha meia-ponta mais na sola inteira, pois eu precisava forçar mais que a de sola dividida. Este ano vou de sola divida, mas com uma insegurança, pois afinal eu não preciso forçar como na sapatilha de sola inteira, e na sola divida eu não sinto que preciso, pois eu vejo tanto a minha meia-ponta quanto a ponta sem força nem uma, então qual a melhor?!

Pois na experiência de alguns professores que eu já conversei a melhor opção é de sola divida, mas minha opinião é a sola inteira pelo mesmo no começo e depois a sola divida, caso queria ter a experiência com a duas e poder saber qual é a melhor para você é sempre bom... humm

Acho que agora eu tenho que usar a sola divida, mesmo pois durante as ferias eu 'treinei' com a sola inteira e já não vi mais as diferencia como antes.

Pois segundo o meu professor tudo isso interfere para você suba na ponta mais cedo ou mais tarde, tudo depende do seu tipo de pé também, né!!

agora a minha duvida também é, será o meu pé tem mais facilidade na sola dividida, pois todos falam que a sola divida é mais difícil pois tem que força mais, mas se eu forço muito fica perfeita apesar de doer um pouquinho ¬.¬

Caso você tenha esta duvida também acho que a melhor opção é perguntar para o/a professor (a), pois só ele (a) sabe a melhor opção para você, por isso vou de sola divida este ano

E se você não conhece os modelos, no blog Ballet por todos os cantos falou um pouquinho sobre isso.

Bom mas e para você qual é sua melhor opção, qual a que você sempre usou e usa, e por que???

bom é isso....



bjs e até