domingo, 31 de julho de 2011

Aurelie Dupont

oi!
ultimamente estou encantada com duas bailarinas em especial que são incríveis, Sylvie Guillen e Aurelie Dupont, acho que pela historia de cada uma, o jeito de dança único.
Aurelie é a única que eu assistir e conseguiu fazer-me entender o espetáculo "a dama das camélias", devo admitir que na primeira vez que assistir não entendi muito bem, eu não conseguir captar a essência deste ballet, mas alguns dias atrás resolvi revê-lo, e porque não agora com outra bailarina, e foi com a Aurelie Dupont, serei sincera em dizer que em certas parte eu pude sentir o sofrimento, sabe aquele aperto no coração, pois eu estava entendendo o espetáculo, tudo estava claro para mim. E depois resolvi assistir outros espetáculos protagonizados por ela, e sabe eu fique fascinada com a amplitude técnica e expressiva que ela possui.
Porque se dizem que é difícil fazer o duplo papel Odette/ Odile do O Lago dos Cisnes,  a bailarina terá que ser "insegura" para Odette e "segura" para Odile, o bem e o mal, mas em repertórios totalmente diferentes, se você consegue "fazer" uma personagem delicada, como a Aurora, ótimo, se a personagem  tiver que ser forte, como a Sylvia, maravilha; mas e agora, quando é tudo isso e muito mais, como a Kitri, que em  momentos como a Dulcineia tem que ser delicada, que completamente diferente da Kitri que é agitada, isso é complicadissimo, mas Aurelie consegue de forma natural ao meu ver. vejam só, o que eu quero dizer:

olha só como ela consegue ser delicada,
só com os movimentos, dando vida a Aurora


olha só a "força" que ela coloca como Sylvia


como Dulcineia

em a dama das camélias

para mim Aurelie é uma bailarina completa, porque não basta ser apenas ótima, tem ser excelente para ser uma étoile como ela.
esta francesa (nasceu em Paris em 15/01/1973) tem algo que consegue emocionar o seu publico de forma única...
Começou sua carreira na dança com 10 anos quando entrou na escola do bailado da ópera de Paris (l'Opéra de Paris de L'École de danse de) após ter deixado suas esperanças de ser uma pianista. Juntou-se à companhia em 1989, e transformou-se um "danseuse do première" em dezembro 1996. Dupont foi promovido ao dançarino da estrela (Étoile) em 1998 após seu desempenho como Kitri da produção de Nureyev de Don Quixote. Igualmente  no renascimento da versão de Nureyev da A bela adormecida

Repertório de Dupont inclui:


Don Quixote

La Bayadère

Sylvia

Giselle

O lago dos cisnes

Romeo e Julieta

A bela adormecida
Raymonda

Les Sylphides

La Sylphide

As quatro temperamentos

In the Night

In the Middle

Casanova

Carmen

Cendrillon
A dama das Camélias
etc.

Concessões

1992: Medallist do ouro em Varna (júniors da categoria)

1993: Vencedor do Francês Prix du Cercle Carpeaux

1994: Vencedor do AROP (a associação derrama o l'Opéra de nacional Paris de le rayonnement de)

2002: Prix Benois de la Danse

2005: Chevalier das artes do DES de Ordre e do DES Lettres

já me considero fã dela





bjs e até

p.s: Atualizada

2 comentários:

  1. Realmente lea é linda!E delicadeza não tem jeito...é dom!
    kkkk
    Eu não tenho!
    Beeijos!

    ResponderExcluir
  2. rsrs
    é! ela é única, por isso que me encantei por ela
    bjs até
    e obrigada

    ResponderExcluir